Junior Pontes
A Beleza da Vida e a Frágil Arte da Existência
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos

INCONSTÂNCIA
Ainda estou paralisado, sem entender,
Mas talvez, não exista explicação,
Ego individualista, altruísmo em contrapartida,
Estou confundindo minha mente com seu veneno.

Os anos nos trazem as verdades mais doloridas
Ofuscando toda essa sua beleza, agora deturpada,
Estou deixando para trás aquela velha imagem
Apegando-me aos conceitos que mudam meu caminho.

Você será como um livro sem importância na prateleira
Estará sendo coberta pelo pó e esquecida
Diferentemente dos vinhos antigos você perderá o valor
E encontrará o amargor com o andar dos minutos.

Uma lágrima cai pelo meu rosto
E é apenas a sua face que está desconfigurada
Lá na frente tem alguém para segurar minha mão
E você será apenas uma sombra na sombra.

Minhas asas estão com alguns ferimentos
Mas os dias acalmarão minha alma
Voarei ao encontro dos meus sonhos
E alcançarei o amor...

by Junior Pontes [lenno]
Junior Pontes
Enviado por Junior Pontes em 23/07/2013
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários