Junior Pontes
A Beleza da Vida e a Frágil Arte da Existência
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos

ELEGIA PARA REGINA
Eu estou sonhando...
O cenário me parece tão real
Eu vejo seu rosto com o mesmo sorriso de anos atrás
Desejo novamente poder tocar suas mãos.

Aqueles olhos que refletiam a cor do céu
A beleza de mãos dadas com a virtude
Este jeans fica tão bem vestida em você
Desejo novamente poder tocar os seus cabelos negros.

Tão jovem, angelical, sonhos que dormiram...
As paredes brancas daquela casa ainda me lembram você
A rua inclinada, onde eu brincava com a água da chuva,
O cheiro das flores, tudo me faz pensar em você.

Meu pai sempre me diz
Que o seu sorriso foi o mais belo que já existiu
Ele também sempre me diz, que eu não desgrudava,
Que todo o momento queria estar perto de ti.

Serei para sempre a sua criança
Aquele dos cabelos compridos e jogados de lado
Dos olhos pequenos e do sorriso grande
Das mãos delicadas e dos sonhos grandiosos.

Déjà-vu...
Congelando sua imagem em meus sonhos
Navegando o oceano da vida para te encontrar na eternidade.

O tempo cicatriza, mas não cura,
Essa minha independência me causa dependência
Versos que choram a tristeza e gritam pela esperança.

by Junior Pontes [lenno]
Junior Pontes
Enviado por Junior Pontes em 07/02/2013
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários